Pensando sempre na qualidade dos serviços prestados, o Lemos Laboratório foi o primeiro laboratório setorizado de Juiz de Fora e da Zona da Mata e um dos primeiros da cidade a ter Controle de Qualidade de acordo com o Manual de Boas Práticas em Laboratórios Clínicos.
A BPLC (Boas Práticas em Laboratórios Clínicos), tem o propósito de conscientizar os Laboratórios Clínicos a investirem na qualidade e na atualização dos processos.

O Controle da Qualidade é dividido em Controle Interno e Externo de Qualidade. O Controle Externo consiste em amostras externas, enviadas ao laboratório para análise de todos os exames laboratoriais realizados dentro do Laboratório, que depois de realizadas, os resultados das mesmas são encaminhados para a Controllab, empresa contratada e especializada em Controle de Qualidade, que avalia o processo.

O Setor de Qualidade é um dos mais importantes do Lemos Laboratório, tendo a frente a Farmaceutica-Bioquímica Eliane B. Trindade de Lemos, responsável pela implantação e manutenção do SGQ (Sistema de Gestão da Qualidade). O setor é responsável por garantir a exatidão e precisão dos resultados dos exames através de testes e análises criteriosas seguindo as Regras de Westgard, importante regra estatística para análises laboratoriais (Controle Interno de Qualidade).

Em 2006 o Lemos Laboratório passou por um processo de implantação da Certificação de Acreditação realizado pelo DICQ (Sistema Nacional de Acreditação de Laboratórios). E em 2007, concluiu a certificação.

A Acreditação, cujos requisitos estão embasados em Normas Nacionais e Internacionais (ISO) e em Resoluções de Regulamentações da ANVISA/MS, utiliza as Normas ABNT NBR NM ISO 15189- Laboratório de Análises Clínicas- Requisitos especiais de qualidade e competência, RDC 302, Regulamento Técnico para Funcionamento de Laboratórios Clínicos (13 de outubro de 2005), NR 32, Segurança e Saúde no Trabalho em Serviços de Saúde, RDC 306, Regulamento Técnico para o Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde (07 de dezembro de 2004) e outros, consiste em inspecionar, através de auditorias anuais, todo o processo de qualidade do laboratório, garantindo assim a qualidade dos serviços prestados.

No Brasil, menos de 2,5% dos 16.000 laboratórios existentes possuem esse certificado.

No laboratório tudo é registrado dentro do Sistema de Gestão da Qualidade, obtendo rastreabilidade de todos os processos executados.

Para garantir a eficácia de todo o processo, o Lemos conta com um sistema de Gestão dos Treinamentos, onde todos os funcionários são treinados continuamente. Além de contar com um Comitê de Qualidade onde os colaboradores participam ativamente das discussões de ações preventivas e de melhoria.

x